domingo, 28 de fevereiro de 2010

A caixa de sonhos


Um garotinho uma vez sonhou em ser um grande músico. Tocar para o mundo, embalar grandes públicos com sua voz. Ele até que levava jeito pra isso, então ele decidiu correr atrás de seu sonho. Mas não deu certo. Ele tentou, se esforçou,mas a verdade é que ele não tinha tanto talento assim. Então, ele guardou o sonho numa caixa: Vou estudar, aprimorar meu talento, e depois volto pra buscar esse sonho.
E o tempo passou, o menino cresceu e foi estudar. Então ele sonhou em ser um grande arquiteto,projetar grandes obras e ser um profissional de sucesso. Seus amigos, família e todos que o cercavam depositaram muita confiança no sucesso do jovem. Tanta que ele próprio passou acreditar de verdade que dessa vez, seu sonho se tornaria realidade. O jovem rapaz tentou, tentou e não conseguiu. Tudo bem, pensou,eu nem sou tão bom assim.Vou guardar esse sonho na caixa, vou trabalhar e depois eu volto para buscá-lo.
Mais uma vez o rapaz sonhou. Agora, só queria ter uma companheira e um emprego para poder se manter. Todos os seus amigos o apoiaram e ajudaram; e seu coração se encheu de alegria e esperança. Ele conheceu uma garota,se apaixonou e também conseguiu o emprego que tanto queria. Agora sim, meu sonho vai se realizar. Vou me casar com a mulher que amo, e com este bom emprego formaremos uma família. Mas a moça não quis saber dele, e como também não se saiu bem no trabalho, foi demitido. Ele ficou bastante desapontado por não ter conseguido o que planejara e resolveu guardar esse sonho na caixa para tentar de novo numa outra oportunidade.
Já cansado de tanto tentar e sempre fracassar, o homem decidiu comprar um barco e viajar pelo mundo. Mas sem emprego e mal tendo como se sustentar, esse sonho também foi parar na caixa (que quase não fechava mais, de tão cheia), junto com tantos outros sonhos desfeitos.
O homem agora se sentia inútil, incompetente e fracassado. Já tinha certa idade, todos os seus amigos eram bem sucedidos e ele não era nada. Um único pensamento vinha na mente daquele homem: Eu desapontei a todos os que confiaram em mim! Não fui capaz de retribuir todo apoio e esperança que depositaram em mim! Eu decepcionei a todo mundo! Então, ele pegou a caixa, reviu todos os seus sonhos que não se realizaram e chorou. Chorou até todas as suas lágrimas acabarem. E depois de chorar até secar, ele amarrou sua caixa de sonhos numa vara e prendeu a vara nas costas de forma que a caixa estava sempre à altura de seus olhos. Eu vou correr atrás dessa caixa até alcançar, até conseguir pegar meus sonhos de volta.
Ele correu, correu sem parar por dias e noites, semanas,meses e até anos! Depois de ter corrido quase que pelo mundo inteiro, ele parou num deck para descansar Enquanto recuperava o fôlego, a vara quebrou e a caixa caiu no mar. Desesperado ele pulou atrás dela que afundava cada vez mais. Quanto mais a caixa afundava, mais ele pensava: Eu não cheguei até aqui para perder meus sonhos assim!Eu vou conseguir. Porém, o fôlego já estava acabando e as forças também. Num último esforço ele alcançou a caixa e quando ela tocou o fundo do oceano ele pensou: Consegui alcançar meus sonhos!"



“ Muitos são os planos do coração do homem, mas é o propósito do Senhor que prevalecerá". Pv 19.21


Um comentário:

Blog disse...

muito lindo flor.
eu adorei
parabens o blog ta lindo...
ja to te seguindo
sucesso pra ti.
bjao